"Síndrome de Ala-Djinn"


A necessidade da fé para o desenvolvimento do “Ser”, diante das adversidades da vida nos acompanha desde o início da humanidade. Porém, hoje mais do que nunca é extremamente necessário a fé em um Poder Superior racional.


Nesses novos tempos em que a humanidade criou tantas doenças da psique, tantos bloqueios mentais e emocionais, tantas limitações, medos, traumas se faz necessário mais do que antes reviver a fé! Não basta mais criar uma fé cega. Essa fé em que temos que experimentar acaba com qualquer tipo de tentativa de negligência da realidade. Gostamos de ir as igrejas, tabernáculos, templos, falar com nosso poder superior. Falar? Não, gostamos de pedir, exigir, cobrar! Perdemos o respeito ao nosso Poder Superior, perdemos a admiração. Tiramos em geração e geração seus critérios éticos e morais.

Falamos de um Poder Superior, muitos dizem de boca cheia, “Sou cristão e creio em Jesus”. Mas não temem as

consequências em negligenciar seus critérios.


A verdade é que a maioria criou a chamada “Síndrome de Aladdin”. Age como se este Poder Superior fosse um gênio da lâmpada. Escravizando o Cristo dentro da mente limitante humana. Sim escravizando! De que adianta tirar ele da cruz e ressuscitar no terceiro dia para depois ser aprisionado na lâmpada da mente humana?

Pare para pensar um pouco e reflita bastante sobre de que maneira pode melhorar teu contato consciente com este Poder Superior. A história do gênio da lâmpada fala de um ser que foi aprisionado e que a única maneira de se libertar seria se alguém que encontrasse a lâmpada, esfregasse e fizesse o desejo de lê dar a liberdade. Esta lenda faz a analogia com a natureza egoísta do ser humanos. Muitos encontraram a Lâmpada com o Gênio escravizado, porém eles viviam tão aprisionados em seu egoísmo, suas vontades, desejos, carências, medos, traumas, insatisfações, vícios que de maneira nenhuma viram a necessidade e vontade do Gênio.

O que você está fazendo com o seu Poder Superior?

O segundo passo de A.A. ou N.A. fala de acordo com o meu entendimento de intimidade. Como podemos Vir a acreditar que um Poder maior do que nós poderia devolver a sanidade, se desconhecemos esse Poder Superior? Para conhecê-lo é necessário criar intimidade com ele e com isso agregar critérios éticos e morais os quais sentiremos a “necessidade” que será combustível para a “vontade” de segui-lo.

Isso explica grande maioria das Recaídas! A própria literatura básica do segundo passo fala logo no início, “O Segundo Passo é necessário se esperamos alcançar uma Recuperação contínua.