Visão de Mudança.


Quando uma família chega em meu consultório e pede uma avaliação de caso para saber qual a melhor metodologia de tratamento terá mais probabilidade de sucesso ao seu familiar que sofre com o uso de álcool ou drogas, ela vem devido ao desespero a que o seu ente querido chegou.


Faço a avaliação e encaminho para uma instituição a que se enquadre no perfil do familiar que necessita de ajuda. Buscamos sempre instituições que prezam e zelam pela vida humana, oferecendo dignidade, disciplina, amor, esperança, fé.


Existe alguns processos que fazem parte do tratamento. No início o acolhido entra em negação, verbaliza, muitas vezes, que já esta pronto dizendo que já aprendeu a lição. Reclama da comida, do tratamento, da própria família que o socorreu em um momento de total desespero e de degradação física mental e espiritual.


Ele chega neste estágio de negação pelo simples fato que no tratamento oferecemos tudo o que ele necessita e na maioria das vezes não o que ele quer!

O dependente tem dificuldade em ouvir: NÃ0. E no tratamento se recebe muitos "nãos" exatamente para aprender a lidar com esta palavra que geralmente causa ansiedade, frustração, desespero, raiva entre outros sentimentos os quais não aprendeu a lidar.

Mas é maravilhoso ver depois de algum tempo as mudanças comportamentais que sofre com o tratamento.

A aceitação, boa vontade, mente aberta, honestidade. Aquele que até então se encontrava estressado hoje mostra mais calma e serenidade em suas ações e palavras. Aquele que nunca percebeu que tem duas orelhas e uma boca, para ouvir mais e falar menos hoje se percebe.

A disciplina molda o caráter do ser humano! "Disciplina é amor" Já dizia meu velho e amado pai. A metodologia de 12 passos da o caminho e ferramentas para a manutenção diária da recuperação recém encontrada e isso gera transformação.


É maravilhoso receber as famílias com a alegria estampada no olhar em ver a mudança do seu familiar. É ainda melhor e gratificante ver o próprio familiar mudar e valorizar a própria vida, sendo grato a Deus e aos familiares por não perder a esperança na vida dele.